CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA à MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO MUNDO

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Dos males o pior.

Nada me surpreende mais do que ver o brasileiro ser advertido diariamente pela mídia e pelo bom senso dos críticos de verdade, que vai eleger novamente políticos corruptos para sucederem os ladrões do dinheiro público no fim de mais um mandato.Não adianta!
Paulo Salim Maluf pode ser o melhor exemplo do que estou falando. Apesar da simpatia que uma parte da população nutre ou nutriu pelo “rouba mas faz”, em seu enésimo mandato e tendo ocupado por mais de quarenta anos quase todos os cargos que lhe permitiram acesso às maracutaias e à impunidade até hoje, é tão popular, que além de se eleger, elege mais dois e até três asseclas em cada pleito.
A família Sarney só aparentemente abandonou as tetas do governo, depois de mais de cincoenta anos espoliando o Estado mais pobre da nação. Devem, pagar parte dos pecados ainda em vida.
O primeiro Presidente da República do Brasil a ser derrubado do cargo por improbidade foi o Senador Fernando Collor. Não houve castigo e a mídia mostra que ele hoje é mais rico e poderoso do que já foi, mercê de alianças que o mantém perto do poder e longe de processos como o causou a derrocada. Parece que aprendeu a lição e sabe que pode mais, quem se junta para o crime e divide o butim.
Há alguns anos muita gente no Guarujá comentava que o então Prefeito Maurici Mariano permitiu e patrocinou a proliferação das favelas, entre outros desmandos, distribuindo os terrenos dos bairros do Morrinhos para apaniguados em vez de alojar neles os favelados.
É do conhecimento geral o gigantesco patrimônio que Maurici adquiriu, ainda que parte houvesse sido surrupiado com a sua morte, por dois sócios ocultos. Um morreu e não devolveu nada e o outro, se transformou num dos ignorantes mais ricos da cidade.
Quando o então moço Farid Madi foi eleito Prefeito, derrotando o seu mestre Maurici Mariano, poderia parecer para os menos avisados que o túnel da Vila Zilda veria, finalmente, uma luz no seu fim.
Não foi o que ocorreu e a luz para esse túnel que foi licitada várias vezes, com outras reformas, ficou famoso na mídia pelos assaltos cinematográficos no seu entorno e pelo amor que o engenheiro Duíno Verri, que tem sobrevivido miraculosa e espetacularmente em todas as administrações, tem por solucionar como que por mágica seus problemas, com reformas caseiras de “meia boca” que o mantém fechado tempo demais, para infelicidade geral da bandidagem.
Farid Madi fez só uma administração, péssima claro e foi traído por motivo semelhante ao que derrubou o Presidente Collor. Pensou que poderia ganhar tudo sozinho e foi derrubado pelos próprios correligionários, que bandearam para o lado da “inocente professorinha” Maria Antonieta que prometia o saque socializado ao orçamento em prol de toda a turma.
Nome de rainha, modos de camponesa ela já sabia o bê-á-bá pois tinha cursado o primeiro grau na política como vereadora.
Apesar dos pesares, era na época, dos males o menor.
Pós-graduou-se e terminou rapidamente o doutorado na malandragem política, amparada segundo alguns, por um ex-policial que conhecia quase tudo sobre o crime.
Quero dizer, sabia como os bandidos grandes escapavam das punições pelos seus crimes, esqueceu-se da lição de que bandido traidor é bandido morto.
Assim que a pupila aprendeu (rapidamente) tudo o que o mestre sabia descartou-o, partindo para um voo muito mais alto.
Hoje seu mestre, que nunca ensinou a ninguém o pulo do gato é nada mais nada menos do que vice-presidente da maracutaia geral.
Depois do primeiro e desastroso mandato Maria Antonieta não poderia permanecer. Qualquer nome, menos o de Farid Madi, seria melhor que o dela. Todos sabiam o apetite com que ela viria para um segundo quadriênio. Seu blá-blá-blá de que as contas haviam sido pagas e agora era só crescer foi só blá-lá-lá. Cresceram as denúncias, os processos e os escândalos amplamente denunciados pela mídia de verdade e enaltecido pelos jornalecos da cidade, comprados a preço de banana, já que só servem mesmo para embrulhar banana, e nunca foi punida pelo Judiciário.
Maria Antonieta foi dos males o pior.
Minto! Quem viver verá que o pior está por vir.

Nenhum comentário:

Miss Guarujá-Biquinis Guarujá

Miss Guarujá-Biquinis Guarujá
COMPRE NA NOSSA LOJA VIRTUAL-CLIQUE AQUI