CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA à MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO MUNDO

quarta-feira, 4 de julho de 2012

Por onde andará a Evely O.?


Outro dia eu escrevi:- Por onde andará a Dora G. ?
Não achei a Dora G. , mas o Luis A.P. leu e relembrou da Evely.
Eu e o Luis tivemos algumas coisas em comum. Lembro-me das motos 750cc, do Dodge Charger e da Evely.
É possível que na época eu tivesse uma ponta de inveja dele. Nunca fomos amigos de andar juntos e  pior, a Evely me trocou por ele.
Com vantagem, diga-se de passagem, pois ele era mais bonito, mais rico, corredor de ponta da já famosa Stock Car.
Um verdadeiro gentleman que não bebia.  Já eu...  tomava tooodaaasss!!!
Ele andava mais em Interlagos e eu na Rua Augusta, que era a minha pista preferida. Nela, por um tempo, com fama de fotógrafo badalado fui quase sempre pole position.
Eu e o Luis nos reencontramos faz algum tempo, ambos com mais trinta e tantos anos nas costas, certos agora, de que motos, autos velozes e mulheres bonitas não são propriedade de ninguém, a gente tem a posse, mas tem que trocar de vez em quando, porque as especificações técnicas e as linhas aerodinâmicas o exigem.
Evely foi uma das minhas grandes paixões. Ela tinha 14 ou 15 e eu 24, eu estava no último ano de  Direito no Mackenzie e poderia ser considerado um “partidão”.
Lindíssima e muito precoce, a Evely não queria perder nada da vida e a sua mãe, colocava toda a  experiência própria a serviço do charme nato, avassalador e hipnotizante que a garota tinha.
Podíamos quase tudo, desde que ao alcance das garras da jararaca.
Mas nós queríamos mais e uma vez resolvemos passar uns dias sozinhos no Rio de Janeiro.
Loucura! Loucura! Loucura! diria o Luciano Hulk.  Foi mesmo.
 Tudo começou com a  invenção de uma história. Seria uma excursão do Mackenzie, iríamos de ônibus, supervisionados etc. e tal.  
Não me lembro bem, mas acho que não convenceria ninguém nos dias de hoje. Aliás, nos dias de hoje nem seria necessário .
Cheguei a tentar alugar um ônibus para ir buscá-la em casa. Afinal, não foi preciso, bastou outra história mal contada e meu irmão mesmo foi buscá-la .
Não vou entrar em detalhes dessa, que foi uma das maiores e melhores aventuras da minha vida na época.
 Eu tinha um carrão, o único Ford 500 Galaxie cor vermelho Ferrari com bancos duplos reclináveis etc.etc. etc. e ponha etceteras nisso. Viajamos e correu tudo muito bem, até que algum tempo depois a jararaca descobriu nossa aventura e queria, porque queria, que eu casasse.
Eu não estava preparado, como aliás nunca estive e acho que ninguém está realmente.
Já diziam os mais antigos. Casamento é loteria e eu nunca fui de jogar.
Deu polícia, quase deu cadeia, mas finalmente o bom senso prevaleceu e a mãe não querendo que o pai que morava na fazenda soubesse ,resolveu esquecer a queixa.
É nesse ponto que o Luis assumiu a ponta e levou a taça.
Daí para frente não sei o que aconteceu com a Evely O. e o Luis nunca me contou, quem sabe agora ele o faça.
Como nas corridas com revezamento, eu deixei a direção e ele pegou!

Nenhum comentário:

Miss Guarujá-Biquinis Guarujá

Miss Guarujá-Biquinis Guarujá
COMPRE NA NOSSA LOJA VIRTUAL-CLIQUE AQUI