CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA à MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO MUNDO

terça-feira, 31 de março de 2009

Jornalista, só com diploma

Amada Amanda!





















Artigo




Jornalista, só com diploma  
*Sérgio Murillo de Andrade
Em 1964, há 45 anos, na madrugada de 1º de abril, um golpe militar depôs o presidente João Goulart e instaurou uma ditadura de 21 anos no Brasil. Naquela época, todos os setores, inclusive o Jornalismo, e liberdades democráticas foram atingidas e sofreram por mais de duas décadas.
Em 2009, a sociedade brasileira pode estar diante de um novo golpe, mais direcionado que então. 
Desta vez, especificamente contra o seu direito de receber informação qualificada, apurada por profissionais capacitados a exercer o Jornalismo, com formação teórica, técnica e ética.
A exigência do diploma para o exercício da profissão de jornalista, em vigor há 40 anos (1969/2009), encontra-se ameaçada.
 O Supremo Tribunal Federal (STF) julgará, também em 1º de abril, o recurso que questiona a constitucionalidade da regulamentação profissional do jornalista. 
O ataque à profissão é mais um ataque às liberdades sociais, cujo objetivo fundamental é desregulamentar as profissões em geral e aumentar as barreiras à construção de um m
undo mais pluralista, democrático e justo.
É importante esclarecer: defender que o Jornalismo seja exercido por jornalistas está longe de ser uma questão unicamente corporativa. 
Trata-se, acima de tudo, de atender à exigência cada vez maior, na sociedade contemporânea, de que os profissionais da comunicação tenham uma formação de alto nível. Depois de 70 anos da regulamentação da profissão e mais de 40 anos de criação dos Cursos de Jornalismo, derrubar este requisito à prática profissional significará retrocesso a um tempo em que o acesso ao exercício do Jornalismo dependia de relações de apadrinhamentos e interesses outros que não o do real compromisso com a função social da mídia.

O ofício de levar informação à sociedade já existe há quatro séculos.
 Ao longo deste tempo foi-se construindo a profissão de jornalista que, por ter tamanha responsabilidade, à medida que se desenvolveu o ofício, adquiriu uma função social cada vez mais fundamental para a sociedade. E para dar conta do seu papel, nestes quatro séculos, o Jornalismo se transformou e precisou desenvolver habilidades técnicas e teóricas complexas e específicas, além de exigir, também sempre mais, um exercício baseado em preceitos éticos e que expresse a diversidade de opiniões e pensamentos da sociedade.
Por isso, a formação superior específica para o exercício do Jornalismo há muito é uma necessidade defendida não só pela categoria dos jornalistas. A própria sociedade, recentemente, já deixou bem claro que quer jornalista com diploma. Pesquisa do Instituto Sensus, realizada em setembro de 2008, em todo o país, mostrou que 74,3 % dos brasileiros são a favor da exigência do diploma de Jornalismo. E a população tem reafirmado diariamente esta sua posição, sempre que reclama por mais qualidade e democracia no Jornalismo.
A Constituição, ao garantir a liberdade de informação jornalística e do exercício das profissões, reserva à lei dispor sobre a qualificação profissional. 
A regulamentação das profissões é bastante salutar em qualquer área do conhecimento humano.
O meio legítimo de defesa corporativa, mas sobretudo certificação social de qualidade e segurança ao cidadão.
Impor aos profissionais do Jornalismo a satisfação de requisitos mínimos, indispensáveis ao bom desempenho do ofício, longe de ameaçar à liberdade de Imprensa, é um dos meios pelos quais, no estado democrático de direito, se garante à população qualidade na informação prestada - base para a visibilidade pública dos fatos, debates, versões e opiniões contemporâneas.
A existência de uma Imprensa livre, comprometida com os valores éticos e os princípios fundamentais da cidadania, portanto cumpridora da função social do Jornalismo de atender ao interesse público, depende também de uma prática profissional responsável. A melhor forma, a mais democrática, de se preparar jornalistas capazes a desenvolver tal prática é através de um curso superior de graduação em Jornalismo.
A manutenção da exigência de formação de nível superior específica para o exercício da profissão, portanto, representa um avanço no difícil equilíbrio entre interesses privados e o direito da sociedade à informação livre, plural e democrática.
Somos mais de 60 mil jornalistas em todo o país. Milhares de profissionais que somente através da formação, da regulamentação, da valorização do seu trabalho, conseguirão garantir dignidade para sua profissão, e qualidade, interesse público, responsabilidade
 e ética para o Jornalismo praticado hoje no Brasil.
E não apenas a categoria dos jornalistas, mas toda a Nação perderá se o poder de decidir quem pode ou não exercer a profissão no país ficar nas mãos de interesses privados e motivações particulares.
Os jornalistas esperam que o STF não vire as costas aos anseios da população e vote pela manutenção da exigência do diploma para o exercício da profissão de jornalista no Brasil. Para o bem do Jornalismo e da própria democracia.


* Presidente da Federação Nacional dos Jornalistas - FENA



domingo, 29 de março de 2009

Amanda
Guarujaense de verdade mora na Praia de Pitangueiras...
Fique atento e você vai vê-la por aí...
O biquini é da Chiquita Bacana, Rua Mário Ribeiro 369 loja 25 telefone 13-3386-2744. 
(Compre também pelo site www.biquinisguaruja.com.br)
Amanda é modelo fotografico e já fez várias fotos para a Microlite.
Veja o site da Microlite em www.microlitebrasil.com.br

Falta de atendimento na Saúde...













E enfeitando nosso blog Roberta Martinez, modelo fotográfico e de passarela.

Clique na foto ou na notícia para ampliar.




sábado, 28 de março de 2009

MICHELLE RIBEIRO - embeleza o nosso blog...

MICHELLE RIBEIRO
DATA DE NASC- 17/09/1983.
MEDIDAS :
ALTURA  1,70
MANEQUIM 40
OLHOS  CASTANHO CLARO
CABELOS LOURO
PESO 59
CALÇADO 36
CINTURA 70
QUADRIL 98
BUSTO 90

sexta-feira, 27 de março de 2009

Rebecca Barison

Para enfeitar o blog...

Peso: 48 kg

Altura: 1.61

Busto: 85

Cintura: 63

Quadril: 85

Manequim: 36



Cercar-se de pessoas inteligentes. 

Os poderosos tem muita sorte em ter ao seu lado homens de grande inteligência, capacitados para resolver os problemas causados pela ignorância e que lutam por eles nas situações mais difíceis. Servir-se de sábios é uma grandeza especial. Supera o gosto bárbaro de Tigrano, que fazia dos reis vencidos seus serviçais. É muito melhor outro tipo de domínio: transformar, por uma arte especial, aqueles que a natureza dotou de inteligência superior em nossos servidores. Há muito o que conhecer, a vida é curta e não se vive se não se sabe. É portanto, uma habilidade especial aprender sem esforço, aprender muito de muitos, sabendo tanto como todos. Se você conseguir isso, será capaz de falar por muitos em uma reunião, pois por sua boca vão falar tantos sábios quantos foram os que o prepararam. Conseguirá assim, com suor alheio, fama de oráculo. Aqueles que não puderem ter a sabedoria como serva devem tê-la ao menos como companheira.

Baltasar Gracián

 

Forum do Guarujá


Quinta-Feira, 26 de Março de 2009, 21:26
Adiada mudança do Fórum para anexo das Pitangueiras
De A Tribuna On-line

Prevista inicialmente para janeiro, a transferência do Fórum de Vicente de Carvalho para o edifício do Anexo Pitangueiras, no Centro, mais uma vez teve que ser adiada. Agora, o prazo limite estabelecido pelo Judiciário para realizar a mudança é o mês de abril.

Dessa vez, a justificativa apresentada foi a necessidade de trocar o piso do imóvel, que teria ficado comprometido em virtude dos serviços que foram realizados no local, nos últimos meses. “Houve a necessidade de readequar algumas divisórias (que compunham o espaço) e isso acabou danificando o piso do prédio”, explicou a juiza-diretora do Foro Distrital,

Maria Cecília Blanco Perez, prevendo que a substituição deva ser concluída já nos próximos dias. Entretanto, ela não arriscou uma data precisa para ocorrer a mudança.

Jornalista só com diploma,

clique na foto para ampliar

quarta-feira, 25 de março de 2009

Vergara...Sofia Vergara...
























Sofia Vergara.

Nem amar nem odiar para sempre.

Trate os amigos de hoje como se pudessem se tornar os inimigos de amanhã, inclusive os piores. 

Como a experiência mostra que isso pode acontecer, deve-se estar prevenido.

 Os desertores da amizade não devem receber armas, pois farão com elas a pior guerra.

 Os inimigos, ao contrário, devem ter sempre uma porta aberta para a reconciliação. 

A porta da cortesia é a mais segura. 

Às vezes uma vingança consumada vira um tormento, e o prazer pelo dano causado ao inimigo se torna motivo de pesar. 

Baltasar Gracián


sexta-feira, 20 de março de 2009

Arpoador Disco...

Aline Matos e Fernanda Relações Públicas da casa.


www.arpoadorguaruja.com.br
Av.Manoel Albino 61. Guarujá -SP-
Tel.13-33557313

terça-feira, 17 de março de 2009

Descobrir o bom de cada coisa.



É a marca do bom gosto.
A abelha logo acha a doçura para a colméia, e a víbora, a amargura para o veneno.
O mesmo acontece com os gostos: uns preferem o melhor e outros o pior. 
Em tudo há algo de bom, especialmente nos livros, pois são resultado da reflexão.
O caráter de alguns é tão desgraçado que, entre mil qualidades, encontrarão o único defeito, e o criticarão e o aumentarão. 
Estes recolhem as sujeiras das vontades e das inteligências, sobrecarregando-se de infâmias e de defeitos, não por serem perspicazes, mas como castigo por seu mau discernimento. 
Levam uma vida péssima, pois só se alimentam de amarguras e imperfeições.
Muito melhor é o gosto daqueles que, entre mil defeitos, logo encontrarão a única perfeição que escapou à boa sorte.

Baltasar Gracián

domingo, 15 de março de 2009

Dalai Lama


"O que mais te surpreende na humanidade"?

Um dia fizeram essa pergunta ao Dalai Lama e ele respondeu:
"Os homens...
Porque perdem a saúde para juntar dinheiro, depois perdem dinheiro para recuperar a saúde...
E por pensarem ansiosamente no futuro, esquecem do presente de tal forma que acabam por não viver nem o presente e nem o futuro.
Vivem como se nunca fossem morrer...
E morrem como se nunca tivessem vivido."

sexta-feira, 13 de março de 2009

Muito...muito bom...Incrivelmente, poderia ser melhor!


No meu mais recente cruzeiro do Splendour of The Seas.(Partida de Santos 09.03.2009) pude constatar o incrível grau de perfeição nos serviços.
Mas poderia ser ainda melhor não fosse um babaca que impedia os passageiros de fotografarem esse painel com a desculpa de ter direitos autorais.
Não posso acreditar que um navio que tem uma verba anual de cerca de seis milhões de dólares, só para gastar com a diversão dos seus passageiros possa impedir uma foto com essa desculpa esfarrapada de que míseros 10 dólares poderiam escapar dos seus cofres. 
Na posição de Diretor de Cruzeiro um jovem brasileiro com uma carreira incrível. Leonardo Papa exibe um curriculum esplêndido... (perdão com o trocadilho).

Isso não impediu que eu reservasse o próximo cruzeiro no Brilliance of the Seas com grandes vantagens informadas pela incomparável Leila Toledo da Loyalty Ambassador.



sábado, 7 de março de 2009

Mulheres independentes




Mulheres independentes.

Homem inteligente aceita a emancipação das mulheres como uma benção.Temos quem resolva os problemas no banco, quem faça o roteiro para as próximas férias e até quem ajude a pagar as contas.
Mulher independente e articulada compra muita revista.
As revistas trazem fotos de modelos e atores maravilhosos com pouca roupa e abdômen saradíssimo, apologia das preliminares, dos jogos eróticos, dos orgasmos múltiplos e até lições de economia doméstica ou não.
Acho que os orgasmos múltiplos e os fingidos são invariavelmente proporcionais.
As revistas masculinas e femininas são muito mais para ver que para ler. Levar para cama esses deuses ou deusas e ter esses orgasmos, só sonhando, com a revista debaixo do travesseiro.
As mulheres escolhem ainda, quem, como e quando.
Aí que saudade da velha e boa trepada... Hoje, se não tiver musica, incenso, meia luz, lingerie nova e mais preliminares do que show da Madonna, você pode ficar mesmo na mão.
Em um segundo ela pode levantar da cama e dizer simplesmente.
- “Não dá! Você não é nada romântico!”
Se você tiver tomado um Viagra dançou.
Se for Cialis, ainda tem umas 20 horas para tentar de novo e fazer valer...
Agora, quem finge que está “indisposto" são os homens.
Inventaram estresse do trânsito, da bolsa de valores, síndrome do pânico, da dispensa do trabalho e o bom e  velho medo de falhar.
A dor de cabeça, essa cuidado, pode ser verdadeira, na cabeça, bem nos chifres, potencializada por toda essa emancipação.
Quando a emancipada resolve trocar o velho por um novo é fóda.
Ela fóde, te fóde e invariavelmente se fóde.
Acaba achando um mais novo e mais tranqueira.
Mas aí você já dançou.
Ser ela for emancipada e rica a coisa pode funcionar bem e por mais tempo... ou não... como provam as Anas Marias e Suzanas.
Mulher e balada tem toda uma história em comum. Elas adoooorammm dançar.
Minha recomendação, se você botar fé no seu taco ou se não tiver outro jeito, é deixá-la conversar muito, sair com as amigas e até ir a shows e baladas.
Dessa maneira, ela vê como a concorrência é brava, como age a molecada e como as amigas sofrem bem mais do que se divertem.
Para ir às baladas, as moçoilas passam o dia se enfeitando, metade da noite esquentando e a outra metade se lamentando.
E o dia seguinte... o resultado... As amigas nem esperam para se encontrar.
O telefone é o confessionário moderno...
A ressaca alcoólica e moral tem espaço garantido na conta do telefone... Mas só até o próximo esquenta.
O certo é o que diz o ditado, mulher precisa ter três homens.
Um para o cheque outro para o chique e outro para o choque.

Será que você vale por três?


Marinho Guzman

sexta-feira, 6 de março de 2009

O asno e a carga...Fábula de Esopo.


O ASNO E A CARGA DE SAL

Um asno carregado de sal atravessava um rio.
Um passo em falso e ei-lo dentro da água. O sal então derreteu e o asno se levantou mais leve. Ficou todo feliz.
Um pouco depois, estando carregado de esponja às margens do mesmo rio, pensou que se caísse de novo ficaria mais leve e caiu de propósito nas águas.
O que aconteceu? As esponjas ficaram encharcadas e, impossibilitado de se erguer, o asno morreu afogado.
Algumas pessoas são vítimas de suas próprias artimanhas.

quinta-feira, 5 de março de 2009

Filtro solar.


(do original de Baz Luhrmann Everybody's free- to use
sunscreen, regravado por Pedro Bial)

Nunca deixem de usar filtro solar.
Se eu pudesse dar só uma dica sobre o futuro, seria
esta:
Use filtro solar.
Aproveite bem, o máximo que puder o poder e a beleza
da juventude.
Ou então esquece. Você nunca vai entender mesmo o
poder e a beleza da juventude até que tenham se
apagado.

Não se preocupe com o futuro.
Ou então preocupe-se, se quiser, mas saiba que a preocupação é tão eficaz quanto mascar chiclete para tentar resolver um equação de álgebra.
Todo o dia, enfrente pelo menos uma coisa que te meta
medo de verdade.
Cante.
Não seja leviano com o coração dos outros.
Não ature gente de coração leviano.
Não perca tempo com a inveja.
Às vezes se está por cima, às vezes por baixo.
A peleja é longa.
E no fim, é você contra você mesmo.
Não esqueça os elogios que receber, esqueça as ofensas.
Se conseguir isso, me ensine.
Guarde as antigas cartas de amor.
Jogue fora os extratos bancários velhos.
Estique-se.
Não se sinta culpado por não saber o que fazer da vida.
As pessoas mais interessantes que eu conheço não sabiam, aos 22, o que queriam da vida.
Alguns dos quarentões mais interessantes que eu conheço ainda não sabem.
Tome bastante cálcio.
Seja cuidadoso com os joelhos, você vai sentir falta deles.
Talvez você case, talvez não.
Talvez tenha filhos, talvez não.
Talvez se divorcie aos quarenta, talvez dance ciranda
em suas Bodas de Diamante.
Dance
Dedique-se a conhecer seus pais. É impossível prever quando eles terão ido embora de vez.
Seja legal com os seus irmãos, eles são a melhor ponte com o seu passado e possivelmente quem vai sempre
mesmo te apoiar no futuro.
Entenda que amigos vão e vêm, mas nunca abra mão de uns poucos bons.
More uma vez em Nova York, mas vá embora antes de endurecer.
More uma vez no Havaí, mas se mande antes de amolecer.
Viaje.


Cuidado com os conselhos que comprar.
Mas seja paciente com aqueles que os oferecem.
Conselho é uma forma de nostalgia.
Compartilhar conselhos é um jeito de pescar o passado do lixo,
Esfregá-lo, repintar as partes feias e reciclar tudo para mais do que vale.

Mas no filtro solar, acredite ...

Fazendo a diferença.

Um escritor tinha o hábito de caminhar na praia todas as manhãs para refrescar as idéias e buscar inspiração para escrever à tarde.

Numa certa manhã, durante seu passeio matinal pela praia, ele avistou de longe um jovem arremessando algo no mar. 

Aquilo despertou a curiosidade do escritor que resolveu ver de perto do que se tratava. 

Ao chegar próximo do jovem, o escritor perguntou:

- O que você está fazendo?

O jovem respondeu:

- Existem estrelas-do-mar que estão desidratadas devido ao forte calor. 

Como a maré está baixa, estou jogando-as de volta ao mar para que não morram.

O escritor, com ar de deboche, falou ao jovem:

- Não sei se você percebeu, mas existem centenas de milhares de estrelas-do-mar espalhadas na areia desta praia que tem centenas de quilômetros de extensão. 

Se você jogar uma ou outra estrela-do-mar de volta ao oceano, isso não vai fazer qualquer diferença no total.

Sem se perturbar, o jovem pegou uma estrela-do-mar e jogou no mar. Olhou para o escritor e disse:

- Para essa eu fiz diferença!

O escritor voltou para casa e naquela tarde não conseguiu escrever nada. 

A noite não conseguiu dormir. Na manhã seguinte ele estava junto ao jovem jogando estrelas-do-mar de volta ao oceano…

Artigo publicado no NetFrases

terça-feira, 3 de março de 2009

Deixar os outros com fome.


Deixe um resto de néctar nos lábios.
O desejo é a medida da estima.
É bom aliviar a sede física , mas não sacia-la: o bom, se é pouco, é bom duas vezes. Perde-se muito na segunda vez.
As grandes doses de agrado são perigosas porque levam a se desprezar a mais eterna superioridade.
A única regra para agradar é pegar o apetite com fome.
Um desejo impaciente é mais estimulante do que se fartar de prazer.
Uma felicidade difícil de se conseguir é desfrutada em dobro.

Baltasar Gracián

Miss Guarujá-Biquinis Guarujá

Miss Guarujá-Biquinis Guarujá
COMPRE NA NOSSA LOJA VIRTUAL-CLIQUE AQUI